sexta-feira, 18 de março de 2011

Descobrindo a Fé

O que é fé segundo as escrituras. Hebreus 11:1-6 diz - Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem. Porque por ela os antigos alcançaram testemunho. Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente. Pela fé Abel ofereceu a Deus maior sacrifício do que Caim, pelo qual alcançou testemunho de que era justo, dando Deus testemunho dos seus dons, e por ela, depois de morto, ainda fala. Pela fé Enoque foi trasladado para não ver a morte, e não foi achado, porque Deus o trasladara; visto como antes da sua trasladação alcançou testemunho de que agradara a Deus. Ora, sem fé é impossível agradar-lhe; porque é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe, e que é galardoador dos que o buscam.


1 - Definição de Fé (resumo extraído do livro Fundamentos da teologia Cristã) - Pode explicar a fé da seguinte maneira: Fé é a confiança no caráter de uma pessoa. Exemplo: Alguém na sua empresa pede dinheiro emprestado; Você empresta na certeza de a pessoa vai pagar de volta. Você empresta por que tem confiança. Ali nasce um compromisso, o compromisso da pessoa que irá lhe pagar. Então em uma conclusão inicial, descobrimos que a fé está ligada a estes dois significados. Confiança e Compromisso. Na verdade pode-se dizer que fé é a confiança que resulta em compromisso.

No Novo Testamento raramente diz simplesmente "creia...", mas "creia em". O que se exige como fé não é simplesmente a crença, ou seja, consentir que Jesus é real. O que se exige é a humildade da aceitação do que Deus tem feito. Confie porque Deus tem feito. A fé, então, é confiança no que Deus fez, que resulta em um compromisso sincero, como consequência nossa entrega a ele.

2 - A definição de segundo o Wikpedia - Fé (do Latim fides, fidelidade e do Grego pistia) é a firme opinião de que algo é verdade, sem qualquer tipo de prova ou critério objetivo de verificação, pela absoluta confiança que depositamos nesta idéia ou fonte de transmissão.

A Outra definição de fé pode extrair da raiz da palavra fé no inglês e segue a mesma linha da etmologia do latim e do grego. A palavra fé significa "faith" em inglês; A palavra fidelidade significa "faithfull". Fragmentando este ultimo termo em inglês em dois formam "faith full" - que significaria plena fé ou fé completa. A definição da palavra plena pode ser aquilo que não falta nada. Ou seja, que tem tudo. Poderíamos dizer em outra definição que fidelidade é a fé completa. Ser fiel é ser todo ocupado por fé. Lembrando dos dois significados citados em cima: Ser fiel é ser todo ocupado de confiança e Compromisso.

Se invertemos a posição e lembrarmos o versículo de Deuteronômio 7:9 Saberás, pois, que o SENHOR teu Deus, ele é Deus, o Deus fiel, que guarda a aliança e a misericórdia até mil gerações aos que o amam e guardam os seus mandamentos. Então a Bíblia diz que Deus é fiel aos seus filhos. E gera a idéia de que essa fidelidade é incondicional. Podemos propor a fala de Jesus que diz - "Vocês não me escolheram, mas eu os escolhi para irem e darem fruto, fruto que permaneça, a fim de que o Pai lhes conceda o que pedirem em meu nome. João 15:16"

Ao extrair apenas um pedaço deste texto ficaria assim: o Deus fiel, que guarda a aliança e a misericórdia até mil gerações aos que o amam - O Deus Fiel, isto é uma afirmação. Em uma proposição bíblica podemos dizer que Deus é totalmente confiante e compromissado com Aqueles que o ama, e mais, Ele guarda a aliança pela vida toda. Por isso misturarmos intencionalmente a idéia de Fé com Fidelidade, nos podemos entender um pouco mais sobre a "Fé que agrada a Deus" que é a fidelidade.

Fazendo uma recapitulação - Fé é confiança que resulta compromisso. Ela é certeza (confiança) das coisas que não se vêem mas que certamente (Pelo compromisso e por Ser Real) Deus cumprirá. Fidelidade é ser completamente ocupado por fé, ou seja, ser totalmente habitado de confiança que resulta em compromisso total a Deus.

3 - A terceira reflexão - Sobre a fé é que depois que Deus gerou a toda Criação, nunca mais realizou um milagre sem que houvesse fé. A fé neste sentido de fidelidade é o maior instrumento de relacionamento intimo com Deus. O meio pelo qual nos relacionamos com Deus aqui na Terra em todos sentidos.

Algo importante a ser frisado é que o tipo de fé que Deus quer de nós não é aquela que funciona como uma palavrinha mágica e tudo se realiza, mas sim aquela que resulta em fidelidade. Em Números 12, Deus demonstrou ao repreender Miriã a respeito de Moises (Não é assim com o Meu servo Moisés, que é fiel em toda a Minha casa) que uma pessoa que se porta Fiel a Casa do Senhor nesse sentido maravilhoso recebe um cuidado intimo e especial por Deus de forma sobrenatural. Ser todo ocupado pela fé em Deus é uma das qualidades maiores citadas a respeito de Moisés citado pela Bíblia. A fé torna as pessoas mansas, sem o desespero. Sempre confiam de que Deus esta no controle e vai dar o livramento. Nesse capítulo a Bíblia faz questão de citar que a mansidão de Moises. O homem mais manso da Terra. Repare que no "incomodo de Miriã" por causa do casamento de Moises com a mulher cusita, suscitou nela e Arão certa rebeldia em relação a Moises. A Bíblia não cita Moises reclamando ou reivindicando a Deus a respeito das ofensas. Pelo contrário, A bíblia faz menção da mansidão. Quem tomou partido a respeito de Moises foi o próprio Deus. Ser fiel em toda a casa do Senhor trouxe uma condição especial de relacionamento a Moises.

4 - Tiago escreve dizendo que a "fé sem obras é morta" - Mas ele não esta contradizendo o que diz Hebreus 10:38 de que Justo viverá pela fé e o que também diz em Efésio 2:8 que somos salvo mediante a ela (fé). O que ele esta dizendo é que a crença meramente intelectual é estéril (extraído do livro Fundamentos da Teologia Cristã). Os demônios crêem em Deus, ele diz, mas isso não faz diferença na conduta deles. A fé verdadeira sempre vai garantir uma transformação de vida. Ou seja, vai garantir a nossa obediência. A fé vai evidenciar através das obras a transformação que Deus opera em nossas vidas.

5 - O exemplo de Pedro andando sobre as águas
. É uma demonstração da falta de confiança em si mesmo que Pedro demonstrou diante de Jesus. Este exemplo de Pedro nos ensina muito porque este tipo de incredulidade em vários níveis e de várias formas que por vezes opera em nós. Jesus o chamou para andar sobre as águas, mas Pedro depois de ter andado alguns passos ainda assim temeu. Mas temeu porque se Jesus não tinha afundado? Temeu em sua confiança, porque diante do Filho de Deus, ou seja, diante do próprio Deus ele percebeu que não poderia ser como ELE como sugere o significado de discípulo. Precisamos entender a fé com duas pontas. A ponta em Deus e a ponta nos homens. A falha sempre ocorre na ponta dos homens, porque os homens são incrédulos e tem dificuldade de enxergar com os olhos espirituais. Porém o próprio Deus na demosntração incondicional de fidelidade trabalha a nossa confiança quando Jesus disse - "Vocês não me escolheram, mas eu os escolhi para irem e darem fruto, fruto que permaneça, a fim de que o Pai lhes conceda o que pedirem em meu nome. João 15:16"

Essa fidelidade incondicional do pai é consciência que devemos ter para a nossa confiança. Essa é ponta que pertence a nós de nossa fé; Sabermos que independente do que somos ele permanecerá fiel a nós.

5 - Por fim, o último tópico é para relatar que a fé é gerada pelo próprio Deus é uma fé proporcional a transformação de sua vida interior. Ou seja, A conversão é um processo de transformação do interior do homem, que passa pelo nascimento espiritual simbolizado pelo batismo. É uma ação divina para tornar válido o nosso esforço. Na conversão, a bíblia traz a idéia de que estamos sendo limpos, desintoxicados à medida que relacionamos com Jesus em sua palavra.

A Bíblia diz em João 8:32-36 - E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará. Responderam-lhe: Somos descendência de Abraão, e nunca servimos a ninguém; como dizes tu: Sereis livres? Respondeu-lhes Jesus: Em verdade, em verdade vos digo que todo aquele que comete pecado é servo do pecado. Ora o servo não fica para sempre em casa; o Filho fica para sempre. Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres. Esta passagem ilustra a idéia de libertação. Mostra que o pecado escraviza e que a forma de se libertar é conhecendo a verdade, ou seja, Jesus. Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. João 14:6

Outro versículo que se aplica muito bem nesse processo esta em João 15:3 - Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado. Imagine vc, a palavra de Deus revelada em Jesus tem o poder de nos limpar. Agora a informação importante no contexto é que a Bíblia também afirma que a Fé vem ouvir e ouvir da palavra de Deus. Romanos 10:17 De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus. Indiretamente estes versículos sugerem uma medida proporcional. A medida que absorvemos a palavra, somos limpos e nos enchemos de fé. Por isso que a Bíblia diz em Hebreus 12:2 - Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus.

Recapitulando:

Fidelidade é ser completamente ocupado por fé, ou seja, ser totalmente cheio de confiança e compromisso. Esse o agente que permite que relacionemos com Deus de uma forma única. Essa é a prova das coisas que não vemos. Somos salvos mediante a fé, vivemos dela, somos transformados através de sua ação. Ela é que nos certifica da fidelidade incondicional de Deus em relação aos homens, e que assim permite que tenhamos confiança. A mesma é uma medida proporcional que passa pela libertação interior e que gera em nós a fé para que o próprio Autor possa a consumir.

A bíblia diz que se tivermos fé do tamanho do grão de mostarda - E disse o Senhor: Se tivésseis fé como um grão de mostarda, diríeis a esta amoreira: Desarraiga-te daqui, e planta-te no mar; e ela vos obedeceria. Lucas 17:6 – Isso nos permite pensar que nem uma fé deste tamanho, às vezes não temos. Pelo significado de infidelidade podemos concluir no quanto precisamos melhorar. Porém, o mais importante, sugere o tamanho do amor incondicional de Deus para nós.

Isso é fé.

Espero que tenha contribuído.


Nenhum comentário: