sexta-feira, 10 de abril de 2009

Notas sobre alguns comentários

Inicialmente a intenção desta nota é para frisar sobre uma das postagens aqui do Blog - Faixa de Apoio ao Mário de Oliveira. Em um pouco mais de um ano, o assunto rendeu várias mensagens de pessoas que discordam com relação a vida cristã do Mário de Oliveira. Pessoas que de certa forma sentem-se lesadas por ele. Situação ilusitada, porque a maioria dos comentários não consideram o texto da postagem, apenas a pessoa citada. Desconfortável para mim, porque apesar de não gostar de censurar, alguns dos comentários lançados são impublicáveis e tive que negar a publicação.

O sentimento das pessoas que escrevem misturam uma éspecie de decepção, raiva, frustração, descontrole emocional e certa forma uma paixão. Sentimentos exagerados que descrevem uma éspecie de julgamento a pessoa. Esses sentimentos me levam a pensar e abordar sobre algumas coisas:
  1. As pessoas precisam entender que mesmo que alguem te decepcione, traia, magoe e outras coisas de mesma intensidade, a solução não passa por ofender, xingar e denegrir a imagem de alguem. Mesmo que esse alguem esteja errado.
  2. Não podemos confundir protestantismo com revolta. Os cristãos não são pessoas revoltadas que não medem palavras para a maldiçoar.

Nenhum comentário: