quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

Porque os evangélicos precisam de Deus

Estive ouvindo uma entrevista onde a equipe do DT comemora as vendagens do seu último CD. Nas palavras da Ana Paula Valadão, em tempo de pirataria, 100.000 cópias é 1 milhão.

Depois do programa estive pensando sobre os principios cristãos, cumprimento das leis dos homens e outros parametros, resolvi segui a ideía e fazer uma reflexão matemática e simples do momento Cristão relativo a essa questão de pirataria.

Abaixo segue:

  1. Se a cada CD's 100.000 vendidos correspondem a 1.000.000 de CD's.
  2. Então a cada 1 CD equivale a 10 CD's.
  3. Outra informação neste contexto é que só compra CD cristão, quem é cristão.
  4. Pirataria é pecado.
  5. De cada 10 Cristão, apenas 1 compra CD legalmente, outros 9 compram Cds piratas. Ou seja 9 pessoas pecam.
Então é mais ou menos assim... De cada 1.000.000 pessoas que carregam a nomenclatura de cristão, apenas 100.000 vivem de fato o cristianismo.

Estou bobo com isso!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

4 comentários:

admoestaçaohumilde disse...

É Daniel..realmente e infelizmente a pirataria é fato em nosso meio,e a falta de consciencia ou reflexao sobre o ato tambem,contudo....a proporçao que vc utilizou(só 1 em cada 10)é estatistica de pesquisas ou uma suposiçao?Nao creio ou nao quero crer que apenas um em dez compra cd original.....Nao pode ser....

Xandi disse...

A pirataria é uma das pragas do mundo moderno. É comum chegarmos na casa dos nossos irmãos e vê-los assistindo a filmes que sequer chegaram aos cinemas.
É obvio que o preço de um CD/DVD (se levarmos em consideração a situação finaceira do nosso povo) ainda custa muito caro. No entanto, por mais que eu ouça esse tipo de argumento, não considero aceitável. Afinal de contas, um erro não justifica outro erro e quem copia ilegalmente - ou faz uso de uma cópia ilegal - está roubando e, consequentemente, pecando.

Abraços, para o amigo e irmão Daniel.
Seu blog está cada dia melhor!

Paz, do amigo carioca... rs

Daniel disse...

Não é estatística... Aproveitei uma entrevista que Ana Paula na Rede Super para pensar sobre o assunto

Ela contou que estava muito feliz com as vendagens dizendo que 100.000 CDs vendidos em tempos de Pirataria pode ser considerado 1.000.000. Me alegrei com ela, mas depois sofri ao enxergar a realidade.

Não é preciso ficar pensando demais para enxergar essa delicada situação que tbem contaminou o meio Cristão. Infelizmente não estamos vivendo esse contexto de maravilhas que muitos acreditam. Pelo contrário, vivemos tempos onde as congregações aceitam práticas mundanas como normais e não conseguem enxergar mais o papel da Igreja nesta terra.


São inúmeros problemas sobre a pirataria que ja atingiu a igreja; e por isso escrevo e apelo para pessoas como nós, que amam a Jesus, para mudar de postura quanto a isso.

Daniel disse...

Obrigado amigo Xandão!!

Deus te abençoe.