domingo, 15 de maio de 2011

E ai? Quem é seu próximo?

Pensei em escrever algo que pudessem sensibilizar sobre o Evangelho e sua missão. Vi esta imagem e percebi que abrir os olhos do coração é muito além do que momento canções de uma igreja.

Depois fiquei me perguntando: E ai Quem é meu próximo??

Fiz questão de manter uma imagem nesses moldes para que todos testemunhassem que a necessidade do Evangelho é de dentro para fora. "Eu sou a porta; se alguém entrar por mim, salvar-se-á, e entrará, e sairá, e achará pastagens." (João 10:9) Observe no texto que é de dentro pra fora porque depois que entramos pela porta, recebemos a salvação em todo o sentido pleno de transformação e consolidação do ser cristão, precisamos sair pela mesma porta para proclamar o Evangelho. Esta é a obirgação Cristã do Ide e Pregai o Evangelho a toda criatura.

Tambem não consigo ver nenhum tipo de reconhecimento (fruto) que seja mais importante do que ouvir uma pessoa que vive nos lugares mais ermos e desfavorecidos da face Terra, proclamar que Jesus é o Senhor e que não precisa nada alem da graça Dele.

Meu olhar como cristão mostra que muito para se fazer. Não é tempo de projetarmos realizações pessoais nas coisas do Senhor. Antes, devemos sacrificar os nossos ideais para vivermos os ideais de Cristo. E nisso temos muito que orar, aprender psobre o que é trabalhar em Cristo. Pois, necessário é sermos missionários dentro dos nossos corações, evangelizando os nossos egoísmos para deixarmos para traz tudo que prende, todo embaraço. Só assim vamos viver o verdadeiro sentido da Igreja. E a Igreja do Senhor não se cala diante de uma situação como essa.

Respeito os debates e as articulações no campo das ideias, mas existe uma causa que nos une, e esta sim precisa ser ação da Verdadeira Igreja do Senhor. Evangelizar o mundo.

Fica a imagem como registro de que há mais para se fazer do que imaginamos.

2 comentários:

Thiago Mendanha disse...

Acho interessante a indagação do título do post. "E aí? Quem é seu próximo?" Faz-me lembrar da parábola do Bom Samaritano quando ao final pergunta Jesus: Quem é o próximo daquele homem (violentado)? Nós somos o próximo... Quando ajudo. Quando acolho. Quando recebo. Quando amo. Estou sendo próximo de alguém. Assim, permitindo que seja fácil que a pessoa, objeto de nossa caridade, nos ame como a ela mesma... Temos muito o que realizar ainda como Igreja...

Daniel disse...

Obrigado pelo Comentário Thiago. É uma honra pra mim te-lo aqui neste espaço.

O seu blog tem sido uma referencia marcante de reflexão sobre a proposta deste blog.

Te Aguardo mais vezes.